Rui Rio apresentou esta quarta-feira, em Lisboa, um conjunto de medidas de estímulo à natalidade, luta contra a pobreza e reforma da Segurança Social.

No apoio à natalidade, o Presidente do PSD defende o alargamento da base de beneficiários do abono de família pré-natal, a revisão dos escalões do abono de família, a ampliação da licença parental a partir do segundo filho, a universalização da rede de creches e jardins de infância, o aumento das deduções de educação em sede de IRS e um plano de rastreio da acuidade visual, auditiva e de saúde oral nas crianças até aos 5 anos.

A luta contra a pobreza inclui o aumento do salário mínimo nacional (igual no público e privado e acima dos 700 euros em 2023), um plano nacional de redução deste flagelo, uma maior intervenção junto das crianças em risco, maior celeridade nos processos de adoção e um plano de erradicação de habitação precária e degradada.

O PSD pretende ainda promover um compromisso alargado sobre a reforma da Segurança Social para garantir a sua sustentabilidade.

Conheça aqui as medidas de apoio à natalidade, luta contra a pobreza e reforma da Segurança Social.