Selecione uma opção
Europa
Fora da Europa
NOTÍCIAS
Plano de investimentos: Governo não pode “limpar fraca execução”
10 de Janeiro de 2019
Plano de investimentos: Governo não pode “limpar fraca execução”

Rui Rio reafirma que o PSD não estará disponível para aprovar “a correr” o Plano Nacional de Investimentos do Executivo. Se o objetivo do Governo for “limpar a sua fraca execução” do plano de investimentos anterior ou aprovar o diploma “a correr em 15 dias ou um mês”, então não poderá contar com o PSD, assegurou. “Está em vigor neste momento um plano parecido, batizado em 2014 como Peti3+, e a esse plano de investimentos falta executar neste momento 80%”, apontou o Presidente do PSD, em conferência de imprensa, esta quarta-feira, na sede nacional, em Lisboa, após uma reunião da Comissão Política Nacional.

Rui Rio recorda que o Governo executou até agora uma média de 300 milhões de euros, mas propõe-se executar no próximo plano 20 mil milhões em dez anos, seis vezes mais. “Quais as razões para o falhanço em matéria de investimento público? Se não identificarmos as razões, como faremos seis vezes mais?”, questionou.

Nesse quadro, esclareceu Rui Rio, o PSD mantém a sua posição, que é de ter em conta o interesse nacional no que toca ao diálogo com outros partidos sobre “matérias estruturantes”. “A nossa posição é a de sempre: disponíveis para fazer acordos e falar com os outros partidos em matérias estruturais para o futuro de Portugal”, disse.

O líder do PSD destacou também a importância de serem ouvidos os autarcas neste processo e para a necessidade de dar atenção a “pequenos investimentos” que podem ter um efeito multiplicador na economia.