Selecione uma opção
Europa
Fora da Europa
NOTÍCIAS
Fernando Negrão: Governo destrói “o SNS, a escola pública e os transportes públicos”
04 de Setembro de 2018
Fernando Negrão: Governo destrói “o SNS, a escola pública e os transportes públicos”

Foi na abertura da Universidade de Verão 2018 que o líder do Grupo Parlamentar do PSD criticou os resultados da governação do Partido Socialista com o apoio do Bloco de Esquerda e do Partido Comunista. “Quem tem destruído o SNS, a escola pública e os transportes públicos têm sido PS, PCP e BE”, afirmou Fernando Negrão, esta segunda-feira.

O líder parlamentar questionou o estado dos serviços públicos: “Que esquerda é esta, em que vou ao médico e marco uma consulta para daqui a 10 meses? Em que vou à escola pública e ela não dá a formação aos meus filhos como deve dar? Em que quero andar num comboio da CP e eles suprimiram o comboio da minha terra até ao hospital mais próximo?”

Fernando Negrão acusou ainda o Governo de falta de inação e ausência de espírito reformista. “Temos um governo que não governa, isto já vai saltando aos olhos de todos os portugueses. Temos um governo que não tem uma única reforma para mostrar.”

O Presidente do Grupo Parlamentar sublinhou a “complacência” dos parceiros do Governo quando as medidas negociadas não são concretizadas. O que, de resto, tem sido tendência: “Nós temos um Governo que aprova um Orçamento do Estado que dizem sempre que é anti-austeridade”, mas depois durante a sua execução, o que é que o Governo tem feito? Tem cativado. Tem deixado de investir.”

Fernando Negrão lançou ainda um desafio ao primeiro-ministro: “É muito cedo para entrarmos em ambiente de eleitoralismo. Eleitoralismo agora é retirar da discussão do Orçamento do Estado todo o sentido de rigor e responsabilidade que deve ter essa discussão. Não faça isso.” O líder parlamentar ironizou ainda a medida pré-anunciada para incentivar o regresso de emigrantes, mas “não todos”, apontou, explicando que o primeiro-ministro prometeu apoiar apenas quem saiu do País nos anos da Troika. O Governo “vive de explorar as fraquezas dos tempos da Troika.”

Perante os alunos da Universidade de Verão, Fernando Negrão explicou que o Grupo Parlamentar vocaliza “a estratégia do Partido”, decidida na direção, onde a liderança dos deputados está representada. “É fundamental haver aqui uma articulação entre todos os órgãos do Partido para que a estratégia esteja afinada, para que todos falem a uma só voz.”

O orador convidado descreveu ainda como o trabalho dos deputados leva a cabo a estratégia definida pelo Partido, num momento político em que “ser social-democrata, felizmente, continua a ser lutarmos por uma sociedade mais justa, mais equilibrada e mais solidária. Lutarmos pela continuação da igualdade de oportunidades para todos.”