Selecione uma opção
Europa
Fora da Europa
NOTÍCIAS
Militantes escolhem, em eleições diretas, o próximo presidente do PSD
10 de Janeiro de 2018
Militantes escolhem, em eleições diretas, o próximo presidente do PSD

É já no próximo sábado, dia 13 de janeiro, que os militantes do PSD escolhem o próximo presidente da Comissão Política Nacional (CPN).

A eleição direta do presidente da Comissão Política Nacional decorre em simultâneo com a eleição dos delegados ao 37º Congresso Nacional, das 14h00 às 20h00.

No boletim de voto para a escolha do novo líder social-democrata constam o nome e a fotografia de cada candidato.

 

 

O Conselho de Jurisdição Nacional assegura a transparência, garante a imparcialidade e fiscaliza a regularidade do processo eleitoral, tal como descrito no regulamento. A partir das 20h00, os Presidentes de Mesa da Assembleia de Secção comunicam os resultados à sede nacional e entregam ao Conselho de Jurisdição Distrital o original das atas de apuramento dos resultados.

Na sede nacional estarão ainda a Comissão Eleitoral, constituída pelo Secretário-geral e um membro de cada candidatura, assim como membros da Mesa do Congresso e do Conselho de Jurisdição Nacional. Cabe aos dois últimos fazer uma declaração a proclamar os resultados.

Os resultados definitivos da eleição do presidente da CPN são publicados, de acordo com o cronograma, no dia 17 de janeiro, no site e no Povo Livre. 

No total, o Partido Social Democrata tem um total de 70 385 militantes ativos com quotas pagas, dos quais 25 347 são do sexo feminino e 45 038 do sexo masculino.

Estes militantes encontram-se distribuídos da seguinte forma, por estrutura etária:

  • 18 a 40 anos: 25 134
  • 41 a 60 anos: 24 753
  • Mais de 61 anos: 20498

 

 

O PSD conta com 396 mesas de voto em Portugal continental, Açores, Madeira, Europa e Fora da Europa, estando os locais de voto publicados no Povo Livre.

Cada mesa de voto tem três membros, assim como um delegado efectivo e suplente de cada candidatura, pelo que, diretamente, estarão envolvidas cerca de 2800 pessoas no processo eleitoral.

A sede nacional produziu o kit eleitoral para cada mesa de voto, composto pela urna, boletins de voto e boletins de inscrição dos delegados e observadores. Os kits foram entregues às distritais, que por sua vez os distribuíram pelas concelhias, em Portugal continental, assim como enviados às estruturas da Madeira, Açores, Europa e Fora da Europa.

Foram ainda remetidos para as mesas de voto o modelo de ata eleitoral, folhas de contactos, instrução e procedimentos, boletim de inscrição, rateio e listagens, bem como o manual de regras e instruções para os atos eleitorais, que contém ainda a minuta para reclamações e protesto.

No próximo sábado decorrem também eleições para órgãos concelhios e/ou distritais em 38 estruturas, conforme convocatórias publicadas anteriormente no Povo Livre.

O histórico dos resultados eleitorais das eleições diretas no PSD poderá ser consultado aqui.

Todas as informações estão disponíveis em www.psd.pt e www.congressopsd.com