Uma pessoa de grandes convicções, um verdadeiro líder. É assim que o Presidente do PSD, Rui Rio, recorda Francisco Sá Carneiro na véspera da data em que se assinalam 38 anos desde a morte do fundador do Partido.

Numa mensagem publicada na sua conta oficial no Twitter, esta manhã, Rui Rio recorda que entrou para o Partido de Sá Carneiro no pós-25 de Abril, pela dimensão ideológica da sua atividade política e pela sua personalidade, “uma pessoa de grande convicção” e “de grande firmeza”.

Era um “social-democrata inequivocamente”, lembra o líder do PSD.

A família social-democrata homenageia hoje o seu fundador, que morreu há 38 anos no acidente de avião em Camarate, na conferência “Princípios e valores de Sá Carneiro no séc. XXI”.

“Hoje, mais do que nunca, é importante agarrarmo-nos aos princípios” de Francisco Sá Carneiro, remata Rui Rio.

 

Hoje vou homenagear Sá Carneiro. É mesmo por convicção, não é por conveniência; por ser politicamente correto. Ainda hoje  é a minha referência social-democrata. Antes de entrar para o PSD, o jovem Rui Rio entrou para o partido de Sá Carneiro. https://t.co/Nl38ZyYx4N

— Rui Rio (Oficial) (@RuiRioPSD) December 3, 2018